Novidades
segmento de manufatura

Sexta-feira, 5 de outubro de 2012
Artenaflex migra para o Mega Manufatura

Cliente do Mega Small Business há 12 anos, a Artenaflex acaba de migrar para o Mega Manufatura para atender sua demanda de crescimento e ampliar ainda mais o controle de sua atividades. Além disso, a empresa espera adquirir o módulo estratégico da solução.

Nascida há mais de 50 anos, a Artenafex é responsável pela fabricação de feltro e outros produtos derivados. É cliente há 12 anos da Mega Sistemas Corporativos utilizando o Mega Small Business, e no momento se prepara para uma nova fase em seus negócios. Com a conquistas de projetos e crescimento na demanda de seus produtos, foi necessária a busca de um sistema de gerenciamento próprio para o segmento, que atendesse de forma específica suas funções e forma de trabalho. Com a experiência positiva do Mega Small Business, a companhia decidiu migrar para outra solução do portfólio Mega: o Mega Manufatura.

“Por conhecer a Mega Sistemas Corporativos há bastante tempo e ter a confiança em suas soluções a transição foi tranquila e promissora, pois a Artenaflex já vislumbra inserir também o módulo estratégico da ferramenta em sua rotina, que será uma grande aliada nas decisões gerenciais da empresa no futuro”, opina Daniel Tonalezzi consultor de negócios da Mega.

A reunião de abertura do projeto, realizada no dia 28 de Setembro, marcou a primeira fase da implantação que envolverá os módulos de Materiais e Distribuição do BackOffice e do Manufatura, Ordem de Produção e Apontamentos de OP. A expectativa de toda a equipe escolhida para o projeto e de Arnaldo Riccitelli, Diretor da empresa, é ter as informações Financeiras, Suprimentos e Faturamento totalmente integradas, já que hoje essas informações são administradas através de planilhas eletrônicas. E o desejo de toda a equipe é de virar 2013 com os módulos contratados em produção.

Para Luciano Leal coordenador do projeto no cliente, o objetivo da equipe Mega é executá-lo dentro do prazo que será estimado durante os levantamentos e principalmente realizá-lo com qualidade. Outro ponto de destaque é o desafio de disseminar uma cultura de Gestão Integrada na Artenaflex em conjunto com o processo de implantação, pois a empresa não possui uma equipe de TI especializada. “Juntas as equipes envolvidas transpassarão algumas barreiras para alcançar o sucesso almejado”, finaliza Luciano.


Voltar