Segunda-feira, 26 de julho de 2010
Mega Sistemas entre as melhores empresas para trabalhar

Para fechar com chave de ouro as comemorações de 25 anos, a Mega anunciou a classificação no seleto grupo das 70 Melhores Empresas Para Trabalhar em TI & Telecom, segundo o ranking realizado pelo Instituto Great Place To Work.

A Mega Sistemas Corporativos, uma das maiores empresas brasileiras de tecnologia, está entre As Melhores Empresas para Trabalhar em TI & Telecom, segundo ranking divulgado pelo Great Place to Work (GPTW) no último dia 21/07. Com sede em Itu, interior de São Paulo, a empresa possui 450 colaboradores e atende cerca de 2 mil clientes por meio de uma rede de 20 canais de vendas e representantes em todo o Brasil. Nos últimos anos, a empresa tem registrado índices de crescimento da ordem de 30%, sendo que em2009 alcançou a marca de R$ 42 milhões em faturamento.

Desde 1991 o Instituto Great Place to Work avalia as Melhores Empresas para se Trabalhar em mais de 40 países. O Brasil foi o primeiro país no qual o GPTW criou uma pesquisa segmentada para o setor de tecnologia. Na edição deste ano, o número de inscritos ultrapassou a casa dos 5 mil, sendo que apenas 70 empresas entram no ranking das melhores, levando em consideração critérios como índices de clima organizacional, menores índices de rotatividade, maior atração de talentos, crescentes níveis de satisfação de clientes e, conseqüentemente, melhores resultados financeiros.

“Muito nos orgulha entrar para o seleto grupo das melhores empresas para trabalhar já no primeiro ano em que participamos da pesquisa. Sempre nos preocupamos em manter um ambiente de trabalho agradável para os nossos colaboradores, e o ranking acaba por premiar todo esforço que temos feito para que o bem-estar dos funcionários seja visto como uma importante ferramenta de gestão. Afinal, em um setor altamente competitivo como é o de tecnologia, reter talentos é condição indispensável para as empresas que querem se destacar no mercado”, afirma o Diretor da Mega Sistemas, Walmir Scaravelli.

Para chegar ao resultado, o GPTW avaliou os dados recebidos no ato da inscrição das empresas, os questionários respondidos pelos colaboradores e o Culture Audit, que lista as práticas e políticas da companhia. Cada etapa desempenha papel fundamental para a eliminação ou não dos participantes, que são submetidos a análises criteriosas através da metodologia desenvolvida pelo GPTW.

Scaravelli destaca também que a entrada da Mega no ranking das Melhores Empresas para Trabalhar em 2010 é ainda mais importante por ser o ano em que a empresa completou 25 anos e, principalmente, por se tratar de uma companhia cuja sede está estabelecida em uma cidade do interior. “A grande maioria das empresas citadas pelo Great Place to Work são multinacionais localizadas nos grandes centros. A presença de uma representante do interior mostra que os profissionais destas regiões podem vislumbrar uma carreira de sucesso em uma grande empresa sem sair de sua cidade de origem”, finaliza o executivo.

Sobre o Great Place to Work® Institute

O Great Place to Work® é uma empresa de consultoria com sede nos Estados Unidos e escritórios afiliados em diversos países do mundo. Desde 1980 a empresa ouve funcionários e avalia empregadores para entender o que torna um ambiente de trabalho excelente. Um dos fundamentos para isso é a confiança entre liderança e liderados.

A metodologia de avaliação do Great Place to Work® foi desenvolvida pelo jornalista norte-americano Robert Levering, por meio de entrevistas com funcionários efetuadas em mais de 200 empresas nos EUA, realizadas a partir 1983. Em 1991, o Great Place to Work® Institute foi fundado em São Francisco (EUA), por Robert Levering e pela consultora organizacional Amy Lyman, com a colaboração de um time de consultores especializados em organização e gestão.

Esta metodologia vem sendo aplicada desde 1997 para a elaboração das listas de “Melhores Empresas para Trabalhar”. A primeira lista foi publicada no Brasil em 1997, quatro meses antes da lista americana, publicada pela primeira vez em 1998.

Em colaboração à Comissão Européia, o Great Place to Work® Institute coordenou a produção da Lista das Melhores Empresas para Trabalhar na União Européia, anunciada em março de 2003, em um evento em Bruxelas. Hoje, presentes em 41 países, temos clientes diversos, organizações nos segmentos de serviços, multinacionais, pequenas empresas e uma grande variedade de indústrias.


Voltar