Novidades
segmento de construção

Quinta-feira, 4 de julho de 2013
HESTIA COMEMORA SUCESSO EM IMPLANTAÇÃO

Com o grande desafio de promover não apenas a evolução tecnológica de seus controles, mas também de seus processos internos e culturais, o Grupo Hestia teve em Junho muitos motivos para celebrar com a conclusão da 1a fase de implantação do Mega Construção.

Com o objetivo de investir na melhoria da gestão de seus procedimentos internos e rotinas, além de integrar todas as operações do grupo em uma única plataforma, o Grupo Hestia contratou em 2012 a solução Mega Construção. Desde então, grandes mudanças passaram a ser registradas na companhia.

As primeiras atividades de implantação começaram em Setembro de 2012 e o go live da primeira fase do projeto foi comemorado com sucesso pela equipe no último dia 17 de Junho, data em que entraram em operação os módulos Global, Financeiro, Materiais, Empreiteiros e Carteira de Recebíveis.

Considerado um projeto desafiador, a implantação da primeira etapa envolveu uma importante reestruturação interna para adaptar os processos e a cultura da Hestia à utilização do ERP. “Antes da contratação do Mega Construção a companhia teve duas experiências anteriores em que os sistemas gerenciais não foram completamente implementados. Com o Mega, essa foi a primeira grande vitória do projeto, que agregou um novo ritmo de maturidade e transformação às operações do grupo, contribuindo para o crescimento notável planejado para a Hestia nos próximos anos”, explica Fernando Szmulik, Coordenador do Projeto pela Mega Construção, que conta ainda com a Gerência de Eduardo Salles, também da equipe Mega, e Marco Antonio Dea, Coordenador de TI da Hestia.

Enquanto a equipe garantia a continuidade da implantação para atender o prazo previsto de entrega do projeto ainda no primeiro semestre de 2013, os usuários da Hestia participaram de treinamentos específicos para a plena utilização de todas as funcionalidades do sistema e a padronização de processos que permitiriam conquistar um nível elevado de qualidade no registro e tratamento das informações através do Mega Construção. “Sem dúvida o empenho de todos os participantes foi fundamental para driblarmos os desafios do projeto e permitir um alto nível de controle em todas as etapas. Foi esse envolvimento que permitiu executarmos a entrega da implantação de forma quase milimétrica em relação às horas previstas, garantindo um saldo positivo de 40 horas que poderá ser revertido para a segunda fase do projeto”, complementa Szmulik.

Com a primeira vitória conquistada, a próxima fase do projeto deve começar em Julho e prevê a implantação dos módulos Comercial e Painel Gerencial, que poderão garantir à companhia um acompanhamento mais efetivo ao monitorar cada etapa do processo de construção, incluindo o estudo de viabilidade do empreendimento, controle da obra, gestão de vendas e acompanhamento do cliente. Mas segundo Dea, os resultados já começaram a aparecer. “O módulo de Empreiteiros conquistou os engenheiros da Hestia e a gestão da Carteira de Recebíveis revolucionou os processos da empresa, demonstrando rapidez e segurança no controle das informações. Já o controle dos almoxarifados também se mostrou um passo importante na integração de processos, permitindo resultados mais rápidos e precisos. Agora estamos trabalhando para que a implantação do Painel Gerencial e do módulo Comercial sedimentem o sucesso do projeto Mega na companhia”, finaliza.

Sobre o Grupo Hestia - www.hestia.com.br

O Grupo Hestia congrega construtora, incorporadora, importadora e participações. A origem se dá com a construtora, Hestia Construções e Empreendimentos, que iniciou as atividades em 4 de agosto de 1993. Presidida por Gustavo Selig e sediada em Curitiba (PR), é referência no segmento de edifícios residenciais, contabilizando mais de 40 empreendimentos entregues ou em andamento, em regiões nobres e tradicionais, e uma área total construída de 749 mil metros quadrados.

Comprometida com a sustentabilidade e a responsabilidade social, a Hestia foi à primeira empresa do Paraná a implantar um programa efetivo e contínuo de reciclagem de resíduos sólidos. Em atividade desde 2001, a ação já contabiliza mais de 70 toneladas de materiais reaproveitados, a maioria no próprio canteiro de obras, com a transformação da caliça em argamassa. Além disso, trabalha em parceria com usinas de reciclagem.

Na área da construção, em 2008, figurou entre as 30 empresas do país com maior área total construída, no segmento de lançamentos imobiliários, segundo ranking da revista O Empreiteiro. No mesmo ano, recebeu o troféu de Incorporadora do Ano pela Associação dos Dirigentes de Empresas do Mercado Imobiliário do Paraná (Ademi/PR).


Voltar