Novidades
segmento de construção

Terça-feira, 6 de maio de 2014
FERRAMENTA TRAZ AGILIDADE AO CRÉDITO IMOBILIÁRIO

Mesmo com grande crescimento, o setor ainda utiliza muitos processos manuais e métodos defasados na concessão de crédito imobiliário.

Os últimos anos foram de muito crescimento para a construção civil no Brasil e as perspectivas são positivas para 2014. Segundo o SINDUSCON-SP (Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo) a previsão de crescimento do setor é de 2,8%, caso PIB do país suba 2%.

Já o crédito imobiliário atingiu um novo recorde, ao movimentar R$ 109,2 bilhões em 2013. Na comparação com 2012, o aumento foi de 32%, segundo a Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip), que compila os números da indústria, considerando os financiamentos bancários com recursos provenientes das cadernetas de poupança. Para 2014, a projeção de crescimento é de 15%.

O processo de crédito imobiliário, que engloba a liberação de uma linha de financiamento e o registro do imóvel, além de aumentar em números, cresceu em complexidade: aumentou-se a oferta de crédito para aquisição de imóveis residenciais, criou-se a possibilidade de financiar a maior parte do imóvel, surgiram mais bancos ofertando linhas de financiamento, programas de governo incentivando a aquisição, modalidades de juros diferenciadas para valores de imóvel e renda, etc.

Nesse cenário, construtoras e incorporadoras tiveram que se estruturar buscando cada vez mais dinamismo. Indo ao encontro destas exigências, muitas empresas vêm se valendo de soluções inovadoras e, sobretudo, incorporando a tecnologia da informação em suas rotinas.

Em meio a esse crescimento, algumas deficiências foram percebidas, como a falta de controle no processo que começava logo após o aperto de mão que selava a compra do imóvel. Para o diretor comercial do Mega Construção, Giovanni Sugamosto, antes do chamado boom imobiliário o foco das empresas do setor de construção civil era a venda de imóveis: "A área comercial foi equipada com as melhores soluções de tecnologia para agilizar esse trabalho. Agora, com o volume de vendas aumentando cada vez mais, surgiu um gargalo no processo da construtora: receber o valor do imóvel", explica.

"É muito comum processos manuais ou mesmo o controle feito em planilhas nos setores que atuam com crédito imobiliário, a automação desses serviços elimina possíveis erros e aumenta o controle sobre todo o processo", esclarece Sugamosto.

Percebendo essa necessidade de mercado, a Mega Sistemas Corporativos, empresa que oferece soluções tecnológicas diferenciadas de gestão empresarial para companhias que atuam nos segmentos de Construção, Logística, Manufatura, Combustíveis, Agronegócios e Serviços criou uma ferramenta para auxiliar as construtoras nesta importante tarefa: o Portal de Repasse.

Lançado em Abril, o Portal tem foco no controle, monitoramento e agilidade dos processos de financiamento. Com a ferramenta é possível fazer a digitalização de documentos, impressão de formulários e, principalmente, a gestão de parceria com correspondentes bancários, mantendo sempre um histórico completo das tratativas. "A ferramenta permite à construtora e ao correspondente bancário configurar as etapas com prazos pré-definidos e descentralizar a gestão dos processos de financiamento sem perder o controle global", finaliza.

O Portal de Repasse faz parte do Mega Construção, conjunto de modernas ferramentas que permitem a automatização de processos administrativos, financeiros, recursos humanos e de controle tributário e estratégico de gestão de empresas do setor. O Mega Construção foi desenvolvido para atender a qualquer tipo de empreendimento e apoia construtoras e incorporadoras no gerenciamento de todas as suas operações: da viabilidade do empreendimento ao acompanhamento e controle da obra, da gestão de vendas e atendimento ao cliente à administração dos recebíveis e controladoria. Tudo de forma integrada para oferecer indicadores e visões gerenciais em tempo real, com qualidade, segurança e eficiência.


Voltar