Gestão integrada na construção civil: qual a importância?

Quando as atividades da área de construção são feitas sem integração, o problema da baixa produtividade é bastante nítido. Isso porque os gestores não conseguem coletar dados e tomar decisões em cima deles, tornando a operação mais dispendiosa como um todo. É em meio a esse cenário que surge o conceito de gestão integrada na construção civil.

Ao longo do texto, vamos explorar melhor esse conceito, ressaltando a sua importância. Além disso, vamos enfatizar os seus principais benefícios, deixando claro como as atividades do setor passam a ser mais eficientes com o auxílio da integração dos dados. Boa leitura!

O que é a gestão integrada na construção civil?

A gestão integrada ocorre quando todas as atividades na construção civil passam a acontecer de forma sincronizada. As partes financeira, operacional e contábil, por exemplo, passam a compartilhar os seus dados, tornando-os visíveis em uma interface central. Dessa forma, muitas melhorias e ajustes podem ser implementados, que antes eram despercebidos.

Qual a importância da gestão integrada na construção civil?

Assim como em outros setores, a construção civil busca maximizar sua produtividade. Boa parte do tempo gasto por profissionais da área é com atividades com baixo valor agregado, fazendo com que eles tenham pouca disponibilidade para tarefas de caráter mais estratégico.

Podemos citar como exemplo disso a procura de informações em sistemas descentralizados, que costuma tomar um tempo considerável dos colaboradores. Visto que a integração centraliza todas as informações, esse gargalo já é bastante reduzido.

Quando a gestão na construção civil passa a ser integrada, as atividades repetitivas são delegadas ao software. Este as executa em um tempo muito menor e elevado grau de precisão. Dessa forma, os colaboradores ficam livres para se dedicar a atividades relacionadas, por exemplo, com:

- controle de produção;

- planejamento;

- melhora da comunicação interna;

- coordenação de projetos.

Quais os benefícios da gestão integrada na construção civil?

Uma vez que o fluxo de informação e atividades se torna mais ágil, isso impacta o setor de forma considerável. Para conhecer alguns dos principais benefícios da gestão integrada na construção civil, acompanhe as subseções a seguir!

?Maior transparência

Outro problema sério que a gestão integrada ataca é a falta de transparência em sistemas não integrados. Em outras palavras, os dados contábeis e fiscais, por exemplo, passam a ser do conhecimento de todos, de modo a expor a real situação do negócio. À medida que a transparência ocorre, os gestores passam a ter mais conhecimento, de modo a tomar decisões mais acertadas com base em dados atualizados em tempo real.

Gestão em tempo real

Quando os sistemas não estão integrados, as informações tendem a demorar mais para serem atualizadas. Isso é bastante prejudicial, pois a empresa do setor passa a ser menos competitiva e pode se tornar um tanto obsoleta em relação às tendências do mercado de construção. A gestão integrada propicia a atualização das informações em tempo real, tornando as operações como um todo mais eficientes e coordenadas.

Suponha que a empresa fez uma compra de materiais. Ao contrário do que acontecia, todos os sistemas são notificados quanto a essa aquisição de mercadoria, inclusive o financeiro e fiscal. Uma vez que este foi notificado, ele passa a trabalhar na emissão de documentos referentes aos impostos da operação, de maneira automatizada. Nesse exemplo, não só o risco de inconformidade junto ao Fisco diminui, mas também o preenchimento dos campos das notas fiscais é feito de forma rápida, reduzindo bastante a incidência de erros.

Padronização de processos

Já falamos aqui sobre o problema da produtividade, mas existe outro que compromete bastante a área de construção civil: os desperdícios. De uma forma geral, eles podem ocorrer ou pela compra de insumos além do necessário ou pelo uso incorreto deles no canteiro de obras. Dado o contexto, a padronização torna esses desperdícios bem menos frequentes, pois a compra de materiais ocorre segundo um planejamento e diretrizes bem definidas.

Por consequência, esses padrões se estendem também aos colaboradores em um canteiro de obras. Com isso, as atividades passam a ser monitoradas pelo sistema integrado, justamente no intuito de evitar desperdícios ou mal uso de insumos como cimento e tijolo.

Além disso, a segurança desses profissionais também passa a ser reforçada, visto que o software agora é capaz de identificar com precisão os aspectos críticos em uma obra, evitando acidentes que comprometam a integridade dos colaboradores e tragam algum ônus à empresa.

Mais qualidade da informação

Uma gestão integrada permite conectar todas as etapas de um projeto. Dessa forma, eles podem ser mais bem geridos e adaptados, caso seja necessário. Além disso, as informações que são acessadas pelos gestores são precisas e confiáveis, ajudando na tomada das melhores decisões. Na prática, é possível identificar, por exemplo, algum gargalo no departamento de compras que esteja interferindo no andamento de uma obra, e vice-versa.

Portanto, quando a gestão proporciona maior qualidade da informação, significa melhor comunicação e coordenação entre as partes administrativas e operacionais do negócio. Dito isso, os gestores passam a ter em mãos um arsenal muito valioso de informações, de modo que eles conseguem, entre outras coisas:

- fazer uma melhor gestão das equipes;

- determinar estratégias de vendas;

- precificar serviços.

Como colocar a gestão integrada na construção civil em prática?

A contratação de um software de gestão integrada deve estar em total conformidade com as necessidades do negócio. Em outras palavras, não adianta, por exemplo, se basear no concorrente, pois muito provavelmente ele terá necessidades diferentes, mesmo sendo uma empresa do mesmo ramo.

Após a escolha, é preciso proceder com a capacitação dos colaboradores e procedimentos técnicos referentes ao compartilhamento de dados dos sistemas que já existem na empresa. Apesar de não ser um processo tão rápido, o retorno do investimento tende a ocorrer em pouco tempo, proporcionando ganhos de longo prazo em competitividade, geração de receitas e lucratividade.

A gestão integrada na construção civil torna as atividades do setor mais ágeis, eficientes e coordenadas. A Senior Mega pode ser a sua parceira na implantação de um sistema, pois nossas soluções são focadas em resolver os problemas do negócio, além de promoverem maior colaboração, conhecimento e inovação.

Quer saber mais? Entre em contato com nosso time de especialistas e descubra de que forma as soluções Senior Mega podem impactar a sua empresa de construção civil!