eSocial: o que é e como impacta na sua empresa

No Brasil, as empresas em geral têm muitas dificuldades com relação a tanta burocracia em torno de suas obrigações fiscais, trabalhistas e com a quantidade de tributos que têm que pagar para as diversas entidades, visto que a União, Estados e municípios são competentes para diferentes impostos e taxas.

Entretanto, isso tudo pode ser otimizado e melhorado de uma maneira sem igual a partir da implementação integral do eSocial. Você sabe o que ele é e como sua empresa poderá ser beneficiada com ele? Confira o post na íntegra!

 

O que é o eSocial?

O eSocial se trata de um projeto governamental que vai unificar o envio de informações pelo empregador em relação aos seus empregados aos órgãos: Caixa Econômica Federal, Instituto Nacional do Seguro Social – INSS, Ministério da Previdência – MPS, Ministério do Trabalho e Emprego – MTE, Secretaria da Receita Federal do Brasil – RFB. A ideia é reunir em um só lugar a transmissão de dados sobre as obrigações trabalhistas, previdenciárias e fiscais.

 

Quais os benefícios para a empresa e o empregador?

Com a implementação deste projeto, cujo envio de informações será feito integralmente por meio digital, a burocracia diminuirá a patamares nunca antes imaginados. Para se ter uma ideia as empresas vão conseguir reduzir sua carga de trabalho sem precisar mais enviar todos os meses para entes federativos diversos informativos, como a Guia de Recolhimento do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço e Informações à Previdência Social (GFIP), a Guia da Previdência Social (GPS) ou anualmente enviar a Relação Anual de Informações Sociais (RAIS), Declaração de Imposto de Renda Pessoa Física (DIRF). Além disso, a escrituração da folha de pagamento ficará muito mais facilitada, de forma que os registros administrativos poderão ser feitos e declarados com muito mais agilidade e menos erros, gerando um impacto bastante positivo na gestão corporativa.

 

Vantagens em relação à sistemática atual

 

E para o governo e os empregados?

Com a centralização do envio das obrigações fiscais e previdenciárias, o governo garante o direito dos empregados e as informações prestadas estarão com mais qualidade, sendo possível garantir que todas as leis trabalhistas, previdenciárias e fiscais estão sendo cumpridas. Dessa maneira, se houver inconsistências ou irregularidades, elas serão encontradas de forma rápida, visto que todos os cadastros das pessoas físicas e jurídicas estarão integrados de forma padrão no banco de dados dos órgãos que participam do projeto.
 

A partir de quando você deve atualizar sua empresa?

Atualmente, o portal do eSocial é de uso opcional atendendo apenas o empregador doméstico. No entanto, ele será obrigatório em todas contratações e utilizações de mão de obra onerosa, com ou sem vinculo empregatício, também de pagamentos efetuados por empregadores/contribuintes sujeitos a retenção na fonte.

As empresas precisam ficar atentas e se reorganizarem, pois assim que liberada a área de testes pela Receita Federal as organizações que apuram sua tributação pelo Lucro Real terão seis meses para iniciar o envio dos arquivos

 

Se você ainda não conhecia o eSocial, acesse nosso eBook, comece a estudar sobre o assunto e deixe sua empresa organizada para fugir de qualquer inconsistência fiscal ou trabalhista. Prepare-se para este projeto que será benéfico para todos!

 

Ficou alguma dúvida sobre o assunto? Compartilhe-a com a gente através dos comentários!