Entenda o georreferenciamento e saiba como usá-lo a seu favor

Entenda o georreferenciamento e saiba como usá-lo a seu favor

Sabia que o georreferenciamento é um conceito especialmente útil para as empresas do setor agrícola? Ainda assim, muitos que trabalham na área não compreendem exatamente no que ele consiste, como funciona e de que modo poderia ser empregado para alavancar os resultados do negócio. Também precisa de uma ajudinha para entender melhor sobre o assunto? Então confira já nosso artigo de hoje:

 

O que é georreferenciamento?

Georreferenciamento é um processo que permite determinar a exata posição geográfica de um imóvel rural e sua área através de um mapeamento referenciando os vértices de seu perímetro ao sistema geodésico brasileiro. Assim passa a ser possível saber exatamente qual é a localização dessa propriedade. E o processo é muito útil para manter tudo dentro das normas, de modo que o proprietário do local saiba exatamente até onde vão suas terras.

 

Por que se preocupar com isso?

O método se tornou ainda mais importante especialmente perante a aprovação de uma nova lei que exige que o proprietário de imóveis rurais relate ao INCRA seu exato posicionamento. Essas informações são confrontadas com o banco de dados já existente, a fim de garantir a legalidade dessas propriedades, sem sobreposições com dados de outras propriedades.

Essa análise poderá ser usada para conceder a Certidão de Cadastro de Imóvel Rural (CCIR) aos proprietários, documento necessário para fazer praticamente qualquer procedimento que envolva o terreno da propriedade rural — desde solicitar algum benefício governamental até partilhar o imóvel, em caso de falecimento do dono, por exemplo.

 

E o processo é demorado?

A grande questão com a qual se deve ter cuidado em relação ao georreferenciamento diz respeito à lentidão do processo. Há diversas etapas envolvidas, sendo que a conclusão geralmente leva entre 3 meses e um ano para ser alcançada. Por esse motivo, especialmente se você estiver planejando algo que exija a CCIR do imóvel, é importante dar entrada no trabalho de georreferenciamento o mais rapidamente possível.

 

Mas o que você ganha com isso?

Embora o georreferenciamento a princípio possa parecer mais um entrave burocrático criado pelo governo, ele na verdade traz excelentes vantagens para o gestor de uma empresa agrícola. Imagine como a falta de conhecimento sobre a área disponível a ser trabalhada impacta negativamente nos resultados de uma empresa rural.

Já com informações precisas sobre o posicionamento e as dimensões da propriedade, pode-se controlar a lavoura de maneira bem mais eficiente. Tendo o apoio de um bom sistema de gestão ERP para auxiliar o gestor a ter as informações realizadas no campo e associá-las aos talhões georreferenciados é possível indicar as produtividades de sua fazenda e os talhões que foram mapeados. Esse controle ajudará, é claro, a desenvolver planejamentos para aumentar a produtividade e aproveitar melhor o terreno.

Outro benefício é o fato de que, conhecendo melhor o terreno onde se encontra sua empresa rural, você poderá exercer a gestão sem precisar estar fisicamente em campo o tempo todo. Assim será mais fácil coordenar a delegação de tarefas, pois você saberá exatamente qual área precisa ser melhor supervisionada. O passo seguinte é simplesmente traçar uma boa estratégia para organizar sua equipe de trabalho.

Seja por obrigação legal ou por interesse próprio, o empreendimento rural precisa dar andamento ao georreferenciamento. Tendo em vista a complexidade do processo e o fato de que as leis regulamentadoras já estão aprovadas, o ideal é começar o quanto antes, não concorda? Tenha a certeza de que, mesmo que o resultado demore a chegar, não virá sozinho, trazendo com ele a proteção contra dores de cabeça legais, além de uma grande vantagem competitiva para o gestor que tem visão estratégica.

 

E você, já fez o georreferenciamento de sua área rural? Qual das vantagens trazidas por esse procedimento chamou mais sua atenção? Comente aqui e compartilhe suas impressões conosco!